4 pontos para serem observados nas crianças a fim de garantir um retorno às aulas de sucesso! 👏🏻

No contexto de hoje as crianças estão indo para a escola com os uso de máscaras de proteção. Proibidas de abraçar os amiguinhos e amiguinhas, sem compartilhar as refeições e mantendo a distância dos professores. Este cenário, para o retorno presencial das aulas, é bem diferente do que os pequenos estavam acostumados, antes da paralisação do ano passado. Apesar de todos esses protocolos sanitários serem necessários para os cuidados com a saúde de toda comunidade escolar, o novo formato pode ser desafiador para as crianças e os pais, inclusive emocionalmente.

Separamos 4 importantes pontos para serem observados e analisados no convívio social dos seus filhos. Confira! 📝

1 – Resistência: 🙅🏻‍♂️

É muito importante que a família observe se seus filhos estão inseguros com a volta às aulas por conta da pandemia. Quando a criança apresentar alguma resistência em retornar, precisamos ficar atentos a maneira como os responsáveis transmitem essa segurança para as crianças. Vale observar aqui que os pais são modelos para os filhos e se quem eles amam está com medo, possivelmente essa criança também irá ficar.

2 – Angústia; 😢

Os pequenos que já voltaram para às aulas presenciais e apresentaram alguma angústia, a orientação é que os pais e as mães tentem descobrir os motivos nessa mudança de comportamento. Algumas crianças, seguramente, nunca estiveram por um longo espaço de tempo com os pais, como ocorreu no isolamento social. Diante disso, poderá ocorrer, nesse retorno às aulas, a ansiedade da separação, além do receio de se afastarem da família.

3 – A solução: Trabalho em Conjunto; 👨‍👩‍👧

Vale a pena ressaltar que sempre será um trabalho em conjunto, entre pais , escola e outros profissionais. É imprescindível confiar no empenho da Instituição, neste papel de ser mediadora do conhecimento, mas também deste novo modelo de ensino que abrange a vida de toda comunidade escolar.

4 – Dar voz aos sentimentos; ♥️

A melhor forma de acolher nossos alunos é ajudá-los a lidar com os próprios sentimentos, através de momentos de conversa, de escuta individual e coletiva. Não minimize o sentimento da criança. Zelar pela segurança e pela saúde dentro da escola, gera muito mais confiança nesse processo.

Somente dessa forma teremos um resultado além do esperado com esse retorno, principalmente com os nossos pequenos. Estou me colocando à disposição de toda nossa comunidade Escolar para realizar atendimentos Socioemocionais, não só faço parte do quadro diretivo do Colégio, como também sou graduada em Psicologia. Nossa Escola é privilegiada por conter mais dois profissionais dessa área, o nosso Coach Educacional Gabriel Feigel e a nossa Psicopedagoga Jane Felimberti Bunn, ambos fazem um excelente trabalho com os nossos alunos. Estamos a inteira disposição.

Ana Paula Benvinda
Vice-Diretora / Psicóloga
CRP 12/19448

17 de fevereiro de 2021
Compartilhe essa postagem
Faceook Twitter Pinterest

Inscreva-se para receber
notícias e conteúdos

Siga-nos no Instagram
@eusousantarosa

Estamos no
YouYube