Conheça nossa
Padroeira

Isabel Flores de Oliva (Santa Rosa de Lima), foi uma religiosa peruana, nascida em Lima, Padroeira da América do Sul e das Filipinas, conhecida como a primeira santa canonizada da América Latina. Desde muito cedo, Rosa (como era conhecida por sua pele alva e por sua predileção por rosas brancas), já manifestou seu desejo de seguir a Jesus. Seu desejo ia de encontro aos desejos de sua família, que via na sua beleza física, a oportunidade certa de um ótimo casamento. Rosa fez votos de castidade perpétua, inspirada no modelo de Santa Catarina de Siena. Levou uma vida austera, mística e martirizada. Desde pequena, teve grande inclinação à oração e à meditação. Um dia estava rezando diante de uma imagem da Virgem Maria, com Jesus Cristo ainda bebê nos braços, quando ouviu uma voz que vinha da pequena imagem de Jesus, que lhe dizia: “Rosa, dedique a mim todo o seu amor”. Usava diariamente uma coroa de espinhos, praticava jejum, fazia muita caridade e amava ajudar os indígenas. Santa Rosa foi um modelo de vida penitente. Morreu com apenas 30 anos. Foi beatificada em 1968 e canonizada em 1971.

Santa Rosa de Lima é festejada no dia 23 de agosto e é a Padroeira do nosso Colégio.
Pedimos sempre sua intercessão, para continuarmos sendo fieis a missão que o Senhor nos confia  a cada dia na educação e e formação humana de nossos alunos.

Oração Preferida de Santa Rosa:

Cristo é a minha força, a Oração meu baluarte, a Fé meu escudo.
Canto composto por Santa Rosa
Meu querido Senhor,Quanto é bom ver nas flores,
e no ver sombrio da copada oliveira, toda vossa beleza.
Como é doce saber que abençoar-me quereis,
e o meu coração de alegrias encher!

Padroeira
Imagem indisponível
A presença das irmãs
A dimensão pastoral é o eixo pelo qual perpassa todo o processo educativo em uma escola católica, busca animar e dinamizar a Comunidade Educativa visando a formação integral e a vivência dos valores evangélicos. No desenvolvimento de ações evangelizadoras, tem como referenciais a história da Congregação, o Carisma e a Espiritualidade das Irmãs da Divina Providência e as orientações da Igreja. A espiritualidade revela-se no modo de ser, viver, falar e agir das pessoas. Trata-se do testemunho da fé no dia a dia da comunidade educativa. 
Considerar as especificidades do ambiente escolar, é missão da Pastoral tornar Jesus Cristo, o Bom Pastor, conhecido, admirado e amado. É Deus amoroso e misericordioso que assume a vida humana, toda a criação e nos revela em suas palavras e atitudes, no seu jeito de ser e agir. A fidelidade de Jesus ao Projeto do Pai, nos impulsiona a sermos no mundo instrumentos de salvação,  nos tornando Sinais da sua Providencia.

Serviço de Orientação Religiosa
Mantém-se vivo na escola o Serviço de Orientação Religiosa, coordenado por uma Irmã da Divina Providência. Compete ao setor o acompanhamento dos professores em âmbito didático-pedagógico do trabalho com a disciplina de Ensino Religioso, especialmente nos níveis da Educação Infantil e Ensino Fundamental Anos Iniciais.

Aulas de Ensino Religioso e Trabalho Voluntário
Por ser uma Instituição Filantrópica, de cunho religioso confessional, vinculada à Associação Nacional de Educação Católica (ANEC), este Colégio reconhece a importância do desenvolvimento dos conhecimentos e vivências religiosas e de cunho solidário. As aulas de Ensino Religioso  tem como objetivo, favorecer ao aluno o conhecimento sobre os elementos básicos que compõem os fenômenos religiosos, a partir do seu contexto sociocultural, destacar os valores morais como subsídios importantes para o crescimento pessoal e social de cada indivíduo e proporcionar vivências que sirvam para aprofundar o significado dos valores e princípios éticos cristãos para a vida.  O mesmo integra o currículo escolar, não sendo facultativa a participação nas mesmas, bem como em trabalhos e demais atividades relacionadas. O Projeto Ação Solidária constitui-se em componente curricular na 2ª série do Ensino Médio, não sendo facultada a dispensa a quem quer que seja.  Pois os projetos tem como foco provocar situações e vivências que auxiliem no desenvolvimento do sentimento de amor ao próximo, e à tolerância para com o diferente e proporcionar ao aluno perceber que a paz, a justiça, o amor e a solidariedade são frutos de uma luta diária que começa no interior de cada um de nós.


Eduardo Michelis ontem e hoje

Em 6 de fevereiro de 1813, nascia na Alemanha Eduardo Michelis. O menino tornar-se-ia, mais tarde, sacerdote católico e secretário do Arcebispo de Colônia. Passando por várias dificuldades, inclusive sendo preso por causa da fé, Eduardo sentiu com a Igreja as necessidades do seu tempo, vindo a fundar a Congregação das Irmãs da Divina Providência.
Amparado em uma profunda fé, alicerçada na confiança na Divina Providência, Eduardo Michelis refulge como inspiração às que seguem na Vida Consagrada os seus ensinamentos e colocam-se à serviço nas diferentes frentes de missão.
Desde o início, as Irmãs desenvolveram um profundo senso da missão que as chamava para o serviço educativodos jovens e crianças. Tal é a razão da continuidade desta obra, que ultrapassa um século, permanecer ligada à Província Santíssima Trindade, dirigida e mantida pelas Irmãs da Divina Providência.
Eduardo Michelis, ontem e hoje, permanece como exemplo e inspiração a ser seguido e imitado. Homem do seu tempo e para além dele, soube conciliar a fé e as obras, servindo a Deus e aos homens. Nele vislumbramos o espelho do que desejamos ser como Instituição Educativa: acolhedores, simples, alegres e confiantes. A imagem deste doutor e Padre eleva-se em todas as salas deste educandário para a memória perene do que ele significa e do quanto lhes somos agradecidos.

Inscreva-se para receber
notícias e conteúdos

Siga-nos no Instagram
@eusousantarosa

Estamos no
YouYube